21/07/2020 às 07h56min - Atualizada em 21/07/2020 às 07h56min

Sindicato entra com mandado de segurança pedindo reabertura do comércio em Jundiaí

Sindicato afirma que cidades da região têm índices de ocupação de leitos menores que Campinas (SP).

G1
O Sindicato do Comércio de Jundiaí e Região entrou com um mandado de segurança contra o Governo do Estado pedindo a reabertura do comércio nesta segunda-feira (20).

Para o sindicato, as cidades que pertencem ao Departamento Regional de Saúde (DRS) de Campinas (SP) não podem seguir todas a mesma orientação, já que a ocupação de leitos em cada um dos municípios é melhor que a de Campinas.

Segundo Edison Maltoni, presidente do sindicato, o maior foco de transmissão dos vírus não está nas lojas e, sim, no transporte público, feiras e supermercados.

"Se a loja respeitar as medidas de higiene, mantendo pouco clientes, não é ela que vai transmitir o vírus. As grandes aglomerações estão nos ônibus, nos supermercados", explica.

Agora, o Governo do Estado tem 72 horas para emitir um posicionamento sobre o mandado de segurança.

A região de Jundiaí está na fase vermelha há 15 dias e, inclusive, chegou a pedir para o governo o desmembramento da DRS de Campinas. No entanto, a nova classificação das fases será feita somente daqui a 15 dias.

Nesta segunda, a cidade segue com o comércio não essencial fechado. Até o momento, o município registra 5.646 casos de coronavírus, sendo 257 mortes. Com relação à taxa de ocupação, Jundiaí tem 74% dos leitos de UTI na rede pública ocupados e 71% na rede particular.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »