22/12/2020 às 14h01min - Atualizada em 22/12/2020 às 14h01min

Mulher morta a facadas já havia denunciado marido por agressão e ameaça três vezes, diz polícia

Discussão entre casal teria começado na noite de domingo (20) em Campo Limpo Paulista (SP). Homem foi contido pelos filhos; ele foi preso e alegou que esfaqueou a vítima por ciúmes.

A mulher que foi morta a facadas durante uma discussão com o marido em Campo Limpo Paulista (SP) já havia denunciado o homem por agressão e ameaça três vezes, segundo a Polícia Civil.

A corporação informou que a discussão entre Luiz Carlos da Silva, de 46 anos, e Márcia da Trindade Jordão, de 47 anos, teria começado na noite de domingo (20) e foi retomada na manhã de segunda-feira (21), quando ocorreu o crime.

A vítima foi atingida por duas facadas, sendo uma no peito e outra nas costas, no bairro Parque Internacional, próximo à casa onde os dois viviam.

Luiz Carlos foi contido pelos próprios filhos, ainda com a faca na mão, informou a polícia. O homem foi preso em flagrante e encaminhado para a delegacia. Durante o depoimento, ele teria dito que esfaqueou a mulher por ciúmes.

Ainda de acordo com a polícia, o último boletim de ocorrência registrado por Márcia contra o marido é de 2017. Na época, Luiz chegou a ser preso por lesão corporal.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »